08/03/14

|comer| Tarte simples de frutos vermelhos




A incursão neste pequeno enorme universo que adoro, a blogosfera culinária, tem-me ensinado muito.

Donna Hay é uma chef/autora que não conhecia, e talvez das que mais interesse me desperta, considerando que todas as suas receitas que vejo executadas acho sublimes e me dizem muito.

Depois de ter pesquisado encontrei receitas divinais de tão simples, frescas e simultaneamente saborosas que aparentam ser.

Para me estrear no seu delicioso mundo selecionei a receita de Tarte de Mirtilo que é do mais simples que pode existir, contudo, nem por isso menos interessante. 
Resolvi no entanto incrementa-la com outros frutos vermelhos que adoro. Como resultou lindamente acho que estou perdoada.

O sabor e o aspecto são unânimes na transmissão de delicadeza e frescura, dai escolhe-la para dar as boas vindas à Primavera, nesta semana em que o sol promete ficar, e especialmente neste dia, o Dia da Mulher.

Uma tarte, bela e vibrante, que nos representa. Feliz Dia da Mulher!




TARTE SIMPLES DE FRUTOS VERMELHOS
(Receita original aqui)

INGREDIENTES
(6 porções)

1 base de massa areada
1 col. sopa de açucar branco
1 ovo batido
200 ml de natas
3 col. sopa de açucar mascavado claro
1 col. sobremesa de extracto de baunilha
1 saqueta de Chantifix (Vahiné)
150 gr de mistura de frutos vermelhos (mirtilos, framboesa, amora)
150 gr de morangos cortados em cubos
Açucar em pó qb para polvilhar

PREPARAÇÃO
Pré-aquecer o forno a 180º.
Bater as natas cerca de 2 minutos e acrescentar o açucar mascavado misturado com o Chantifix e a baunilha. Continuar a bater até ficar bem consistente. Reservar no frigorífico.
Estender a massa quebrada e cortar os limites de modo a formar um quadrado. (esta é só uma opção de apresentação, não existindo problema nenhum em deixa-la redonda).
Colocar a massa sobre uma folha de papel vegetal, pincela-la com o ovo batido e polvilhar com o açucar branco.
Levar ao forno cerca de 15 minutos, até estar douradinha. Retirar do forno e reservar.
Distribuir as natas sobre a massa quebrada, colocar os frutos por cima, dispondo a gosto e polvilhar com o açucar em pó.
Servir bem fresca e conservar no frio.






18 comentários:

  1. Uma tarte muito bonita e só pode ser deliciosa.
    Adoro frutos vermelhos.
    Beijocas doces

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada! Ficou um pecadinho bem delicioso! :)
      A repetir.

      Bjinhos

      Eliminar
  2. Os frutos vermelhos dão uma dimensão diferente a qualquer doce, não é? A Donna Hay é fantástica, tem muitas receitas assim, simples mas super saborosas!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. De facto Gori, e irei explora-las com todo o prazer. :)

      Bjinhos

      Eliminar
  3. Respostas
    1. Obrigada Ana, só esta mescla colorida é perfeita :)

      Bjinhos

      Eliminar
  4. Eu adoro frutos vermelhos e adoro a Donna hay de paixão e por isso, aprovo e mais que aprovo esta sugestão!!
    Beijinhos e boa semana,
    Lia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também eu adoro frutos vermelhos, em relação à Donna estou a conhecer e cada vez gosto mais. :)

      Bjinhos e boa semana!

      Eliminar
  5. Tarte com aspecto delicioso!
    Parabéns!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada! E não era só aspecto... :)

      Bjinhos

      Eliminar
  6. Que maravilha! E tão simples :)
    Beijinho

    ResponderEliminar
  7. Como te percebo!
    Eu adoro a Donna Hay e é tão fácil deixarmo-nos enamorar pelas suas receitas.
    Adorei esta tarte, simples, e tão bela. Linda!! Com as frutas vermelhas em cima, a chamar a Primavera.
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Completamente Inês, eu ainda estou no ínicio do processo de enamoramento... Adoro tudo dela! :)

      Bjinhos

      Eliminar
  8. Hummmm sempre com receitas apetitosas :D
    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito Obrigada Teresa :)
      Neste caso apetitosa e super fácil ;)

      Bjinhos

      Eliminar



Opiniões agradecem-se! Fiquem à vontade :)