06/03/14

|comer| Tarte de blue cheese e noz




Adoro queijos de praticamente todo o tipo. É simplesmente dos meus alimentos preferidos, daqueles que se conseguem sobrepor ao doce mais incrível e decadente.

Como tal não fiquei indiferente quando verifiquei que uma imagem que chamava por mim estava repleta deste ingrediente tão especial.

Quando comecei a "dissecar" a receita ia ficando simultaneamente deliciada e apreensiva quanto à eventualidade do Stilton (tradicional blue cheese inglês, ligeiramente cremoso e suave) não me agradar totalmente.  Da gama dos queijos azuis só posso falar com verdadeiro conhecimento de causa do Roquefort, que ao natural é excessivamente salgado para o meu paladar. No entanto, como tinha um já comprado há algum tempo para testar outro petisco optei por usa-lo. 

E do forno lá saiu uma tarte de aspecto bem moreno e rústico, carácter forte e sabores intensos mas não "descontrolados". 
Uma proposta vencedora ideal para amantes de queijos.

Para os mais "arrojados" sugiro incluir um pouco de vinho do porto no preparado, visto combinar lindamente com este tipo de queijo. 
Optei por não o fazer apenas porque normalmente não aprecio o travo que o álcool gera em alguns pratos.

Nota: Em relação à receita original ajustei ligeiramente as quantidades dos queijos, cortei as natas com o leite, utilizei o Roquefort em alternativa ao Stilton e reduzi a quantidade de nozes.
 




TARTE DE BLUE CHEESE E NOZ 

INGREDIENTES
1 embalagem de massa quebrada fresca
2 ovos
150 gr de queijo Roquefort (em alternativa ao Stilton)
200 gr de queijo creme (usei Philadelphia)
2 cebolas médias
60 ml de natas ligeiras
40 ml de leite
3 col. sopa de salsa fresca picada
mistura de pimentas
8-10 nozes

PREPARAÇÃO
Pré-aquecer o forno a 180º.
Untar uma forma de fundo amovível com manteiga e dispor por cima a massa quebrada, moldando bem à forma. Picar e reservar.
Descascar e laminar finamente a cebola e reservar.
Bater ligeiramente os ovos. Misturar o queijo creme e bater em velocidade baixa até até envolver bem.
Juntar depois o roquefort grosseiramente desfeito, a cebola laminada, a salsa e a pimenta e envolver bem.
Colocar o preparado sobre a massa, dispor as nozes, partidas em metades, por cima e levar ao forno cerca de 40-45 minutos, até estar bem douradinha.
Verificar com palito a cozedura e retirar do forno.
Servir morna acompanhada de salada.




 

12 comentários:

  1. Querida,
    Stilton e nozes é um clássico e eu que adoro ambos, sei que adoraria tanto a versão original da tarte, como esta tua versão com Roquefort!
    Beijocas,
    Lia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lia, tu saberás melhor que ninguém :)
      Fiquei muito curiosa mas ainda não foi desta que provei o Stilton.
      Contudo, se tem um sabor mais suave do que o Roquefort suspeito que vá gostar ainda mais. Ainda assim adorei esta tarte!
      Os queijos são aqueeeela loucura :)

      Bjinhos grandes

      Eliminar
  2. Ficou tão linda e apesar de nunca ter provado queijo roquefort eu acho que ia gostar
    Bj

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se gostas de sabores bem fortes, São, vais adorar! :)

      Bjinhos

      Eliminar
  3. Adoro queijos azuis... todos! E de outras cores, também, que eu como amante de queijo não sou esquisita... :P
    Maravilhosa esta tua tarte, Susana!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Mra. João, também adoro queijos mas tenho algumas reservas em relação a alguns sabores.

      Bjinhos

      Eliminar
  4. Sou perdida por queijos, eu acho que tudo fica a saber ainda melhor com um pouco de queijo, infelizmente dado o meu colesterol é algo que uso com muita moderação! Mas tenho a certeza que iria adorar essa tarte e apreciar cada dentada :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, alguns alimentos que adoramos tem esse problema, o facto de não nos fazerem muito bem... mas uma vez não são vezes ;)

      Bjinhos

      Eliminar
  5. Eu trouxe um pedaço de Stilton comigo da viagem a Londres, e achei demasiado forte. Mas gostei. Eu adoro queijos, de qualquer tipo, percebo bem o que dizes, e a combinação de queijo azul e nozes é muito boa!! Usei-a ha pouco tempo num pão e foi a loucura :) adorei esta tarte.
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Inês!
      Para mim o Roquefort já é um queijo bem forte, mas continuo curiosa em relação ao Stilton. Tendo oportunidade quero provar.

      Bjinhos

      Eliminar



Opiniões agradecem-se! Fiquem à vontade :)